História

A Ilha de S.Vicente é a segunda de Cabo Verde em dimensão populacional (67,844 habitantes), representando 15,6% da população total do arquipélago. A sua referência principal é o Porto Grande, situado na baía natural do mesmo nome, à volta da qual cresceu a cidade de Mindelo. A baía tem sido, ao longo dos séculos, a fonte de prosperidade da ilha, sendo um ponto de apoio à navegação marítima no Atlântico, fornecendo combustível, alimentos e água às embarcações de longo curso. Nos últimos anos, Mindelo vem-se transformando num centro de indústria ligeira, nomeadamente, vestuário e sapatos, para exportação. Há, de igual modo, uma indústria de transformação do pescado, em crescimento.

Considerando a importância do aeroporto no desenvolvimento da ilha e da região, o Governo de Cabo Verde tomou a decisão de alargar as estruturas aeroportuárias de S.Vicente, tendo para isso dado orientações à ASA, a empresa que gere os aeroportos do arquipélago. Esta, por sua vez, contratou os serviços de assistência técnica da IATA (mais precisamente, o seu Departamento de Operações e Infra-estruturas), que preparou e realizou os estudos com vista ao desenvolvimento do aeroporto.

O projecto da 1ª Fase, iniciada em 2006, consistiu na extensão da pista (que dispunha das dimensões de 1500 x 30 metros), em mais 500m, sendo 185,4m para sul e 314,6m para norte. Previu-se, igualmente, o alargamento de 30 para 45m. Foi construído um novo terminal de passageiros, com área de 11.000 m2 e capacidade para 500 passageiros/hora e uma nova plataforma de estacionamento de aeronaves, com 2 stands para aeronaves de classe 4D, que se juntarão aos 6 stands das duas placas existentes para aeronaves de pequeno porte. Tal extensão permitirá a um tipo específico de aeronaves, os Boeing B737 e B757 e Airbus A319, A320 e A321 operarem para diversas cidades na Europa, nomeadamente, Lisboa, Madrid, Paris, Frankfurt, Roma e Amsterdão. A operadora nacional TACV, que dispõe de modelos medium-range do B757/200, conseguirá operar Lisboa e outros destinos, sem limitações, a partir de S.Vicente. Outras operadoras charter que estarão interessadas em voar para Mindelo (presentes, inclusive, no Sal), dispõem também de modelos long e medium-range aptos a operar vários destinos na Europa.